quinta-feira, 23 de abril de 2009

Certo ou Errado???




“Todos os seres humanos nascem livres e iguais em dignidade e em direitos. Dotados de razão e de consciência, devem agir uns para com os outros em espírito de fraternidade.”

“Toda pessoa tem capacidade para gozar os direitos e as liberdades estabelecidos nesta Declaração, sem distinção de qualquer espécie, seja de raça, cor, sexo, língua, religião, opinião política ou de outra natureza, origem nacional ou social, riqueza, nascimento, ou qualquer outra condição.”

“Toda pessoa tem direito à vida, à liberdade e à segurança pessoal.”

“Ninguém será submetido à tortura, nem a tratamento ou castigo cruel, desumano ou degradante.”

“Toda pessoa tem direito, em plena igualdade, a uma audiência justa e pública por parte de um tribunal independente e imparcial, para decidir de seus direitos e deveres ou do fundamento de qualquer acusação criminal contra ele.”

Será que hoje em dia as pessoas têm respeitado esse direito, independente de quem quer que seja o “Ser humano” protegido por esse código???

Essa semana presenciei uma cena que no meu ponto de vista, não foi uma atitude correta de nenhuma das partes.

“Eu passei em uma loja de fast-food, e quando estava saindo do local, eu percebi que estava acontecendo alguma coisa do lado de fora. O que estava acontecendo naquele momento era que uma pessoa estava tentando assaltar o local, com uma faca. Por sorte o segurança do local conseguiu controlar a situação, e impedir o assalto. Prendeu a pessoa e o deixou imobilizado no chão. Esperando a chegada da viatura. Algumas pessoas começaram a dar socos e ponta pés na pessoa que estava indefesa. (Pelo que sei isso se chama agressão, tentativa de homicídio. É um crime tanto quanto roubar). Fiquei indignada com a situação. Mas não poderia fazer nada a não ser ficar quieta”

Onde começa o direito de um, e termina o do outro.
Nessa situação juro que não sei distinguir quem era o criminoso. Essa é a nossa sociedade. Formadas por pessoas ignorantes, prepotentes e desumanas

Não sei se estou sendo humana demais, mas por um momento pensei que estivesse ficando louca em pensar que isso era um absurdo, contei a algumas pessoas o que aconteceu, ficaram indignadas com a minha reação. Bom não sei se fico indignada com a reação dessas pessoas, ou começo a repensar meus conceitos. Por um momento tive que recorrer aos universitários pra saber o que era certo.(rsrsrsr). Ufa!! Juro que fiquei aliviada...(Obrigada, Pugguento) sou humana...de verdade...Precisava colocar isso em algum lugar.
"Vivemos esperando o dia em que seremos melhores"...(J.Quest)

3 comentários:

  1. Olá Aíres, realmente percebi o quanto vc é humana, diante o ocorrido que vc relatou...
    ñ sei qual seria a minha reação na hora;

    adorei o post, é complicado falar sobre direitos, bom seria que fossem respeitados esses direitos, infelismente axo que não acontece.

    bjoss querida, e obg pela visita + uma vez

    ;****~

    ResponderExcluir
  2. Ó chamateia que fala da saudade
    Ó canção que pões um brilho nos olhos
    Ó mulher que tens a forma da viola
    Ó que espalhas paixões aos molhos

    E o cantar da meia-noite
    A todos encanta e seduz
    Cantar até que morra a voz
    Cantar até que haja luz


    Vem tocar uma Viola de dois corações

    Bom fim de semana



    Mágico beijo

    ResponderExcluir
  3. O teu modo de pensar é que é correcto, não o dos outros.
    Infelizmente, essa é a nossa sociedade... Adoram fazer justiça com as próprias mãos, principalmente quando a pessoa em questão está completamente indefesa.
    Mas é sempre bom saber que há quem pense como nós (graças a deus!). Pode ser que um dia o mundo mude!
    Big Kisses

    ResponderExcluir